XaD CAMOMILA

11 de junho de 2011

Mediação e Conciliação: dois paradigmas distintos, duas práticas diversas

Tania Almeida

"A chegada da mediação à cultura brasileira vem se fazendo gradativamente. Um dos desafios deste percurso é estabelecer uma adequada  distinção em relação à conciliação, instrumento de resolução de conflitos praticado há mais tempo. Por contemplarem ambas a construção de acordos, mediação e conciliação são, por vezes, tomadas como sinônimos.

Como a cultura mundial caminha em direção à ampliação de métodos de acesso à justiça, é interessante que possamos então conhecer esta diferenciação com clareza.  Visa o sistema multiportas de acesso à justiça – disponibilização de diferentes métodos de resolução de conflitos – poder ampliar o número de portas de  que dispomos e, sobretudo, adequar o  encaminhamento de nossas questões à que for mais apropriada.

Esse é um dos benefícios dos sistemas multiportas de acesso à justiça e resolução de  conflitos: possibilitar o encaminhamento da questão existente para o instrumento de resolução que ofereça maior eficácia e, conseqüentemente, maior eficiência.  Se tivermos dois ternos no armário, precisamos eleger um ou outro para ocasiões que demandem o uso de traje formal. Se ampliarmos o número de ternos, podemos adequar o modelo ao evento, à temperatura e ao horário da ocasião, assim como à maior ou menor formalidade exigida.

Apesar da finalidade conciliatória em comum, mediação e conciliação guardam distinções tão nítidas em seus propósitos e em seu  alcance social que vale a pena, nesse momento em que ambas se encontram no mesmo cenário, destacá-las.”
Conciliação e Mediação: dois paradigmas distintos, duas práticas diversas

Nenhum comentário :

Estante do XAD

Blogs @migos

Blogs sujos & malvados